SÍNDROME DE BURNOUT: O BICHO PAPÃO DA EDUCAÇÃO

Maria Aparecida Azzolin, Lúcio Jorge Hammes

Resumo


Este artigo é resultado da análise da intervenção “Conhecer: primeiro passo para vencer o bicho papão da Síndrome de Burnout”, desenvolvido através de cursos de formação de professores do Colégio Estadual Cristóvão Pereira, na cidade de Santiago/RS, durante o mês de julho de 2014 com um total de 20 h. Tem por objetivo problematizar a Síndrome de Burnout, suas causas, consequências e formas de prevenção e combate, visando à construção de um ambiente escolar mais dinâmico, saudável e feliz. Traz uma abordagem teórica sobre a temática e uma análise da interação junto aos professores, destacando o reconhecimento de si e do outro, descuidado no corre-corre do cotidiano escolar. Os dados mostram que no ambiente escolar existe um universo pulsante de vida, com pessoas cheias de sonhos, vivências e traumas que interagem, dialogam, trocam suas experiências positivas e negativas e que fortalecer os laços afetivos, através da interação entre colegas é uma ótima forma de manter-se saudável.


Palavras-chave


Síndrome de Burnout; Saúde; Educação

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Programa de Pós Graduação em Educação - CUML | ISSN: 2238-4979 | Qualis: B2

Indexada em:


Latindex

bbe

edubase

clase

iresie